sábado, 19 de janeiro de 2013

Anjos do demonio - cap. 5

Andy: ou de um Nefilim mesmo - ele disse me olhando
Carly: me explica... me explica, o que é isso?! - eu disse confusa
Andy: desculpa Carly, mais eu não posso - ele disse olhando para baixo
Carly: me explica o que é isso! agoraa! - eu disse mais alto e nervosa
Andy: Carly eu não posso eles irão te machucar, o cheshvan ta chegando, e agora por minha culpa você sabe demais - ele saiu do quarto nervoso, e eu fiquei mais nervosa ainda, então decidi tomar um banho relachante, coloquei meu pijama e fiquei e fiquei no meu quarto o resto do dia só pensando.......No outro dia acordei com uma puta dor de cabeça tomei um banho e vesti essa roupa, me joguei na cama peguei meu not e fiquei procurando coisas sobre Nefilim, era realmente verdade, então eu vi que eu sou digamos Imortal, queria ter certeza disso, peguei uma navalha e passai no meu pusso             mais logo em seguida começou a cicatrizar, eu me assustei, e derrepente Oliver entra no banheiro e ve sangue espalhado pelo banheiro todo
Oliver: érr... eu volto outra hora - ele disse confuso e saiu do banheiro eu ri, limpei tudo e fui no quarto de Oliver
Carly: Oi - eu disse entrando e me sentando do lado dele
Oliver: oi - eu apoiei a cabeça no ombro dele
Carly: Oli me diga o que você entendeu com aquela sena? - eu disse normalmente
Oliver: intendi que tu ta menstruada - comecei a rir fui no banheiro peguei uma navalha e voltei pro quarto dele
Oliver: o que que você vai fazer com essa navalha ai? - ele disse meio assustado, eu peguei o braço dele e passei a navalha, eu vi que ele tava assustado,mais logo a ferida começou a cicatrizar e eu vi que ele ficou mais assustado ainda, então ele pegou a navalha e começou a passar a navalha pelo braço loucamente, mais todas as feridas cicatrizavam
Andy: QUE PORRA TA ACONTECENDO AQUI? - ele disse gritando
Carly: POR QUE VOCÊ NÃO ME CONTOU? - eu disse tambem gritando
Oliver: PERAI, EU QUE PERGUNTO! QUE PORRA É ESSA? - vi que Andy ficou nervoso
Andy: Caralho, sera que você são loucos, vocês nao tem a noção do perigo que tao correndo agora - Andy encostou a cabeça na parede e deu um soco na mesma - Olha vocês dois são Nefilim e o pai de vocês é um anjo caído por isso a dona Carol se separou dele entenderam, e agora que vocês, eu, sei disso e agora vocês estão correndo perigo - eu puxei Andy para o meu quarto
Carly: Andy, Andy olha pra mim - eu peguei o rosto dele e virei pra mim fazendo com que ele olhasse diretamente para mim
Andy: Carly não faz isso comigo - ele estava com um olhar triste para mim, ele me beijou
Carly: eu precisava saber a verdade , por que você não me contou eu poderei ficar a eternidade com você - falei 
Andy: Não é bem assim!! - ele disse fugindo o olhar
Carly: você queria me privar da verdade, ate quando?
Andy: até quando fosse possível, só que você é muito teimosa  - ele disse olhando no meu olho
Carly: Isso se trata da minha vida , eu tinha que saber e o que tem de ruim nisso ??? - eu disse nervosa olhando no olho dele
Andy : Eu só quero te proteger - o olhar de piedade dele me irrita
Carly: Me proteger do que  , da verdade esse tipo de proteção me irrita !! - disse ja com a voz alterada
Andy: Carly não é bem assim - ele disse olhando para baixo
Carly: como não é Andrew? me diz! - eu disse o olhando com ódio
Andy: merda, Carly o Chesvan começa hoje, e agora eles sabem que você é uma Nefilim - ele disse nervoso andando de um lado pro outro
Carly: como assim? - 

                 Continua....

sábado, 12 de janeiro de 2013

Anjos do demonio - cap. 4


Carly: Quem será a essa hora? - desci as escadas e abri a porta, era o Oliver
Oliver: oi - disse entrando, sentando no sofá e ligando a tv, eu ri, fechei a porta
Carly: Oli eu vou dormi tenho ensaio amanha cedo! - eu fui ate a escada quando eu tava no segundo degrau
Oliver: Ensaio do que? - ele me olho surpreso
Carly: eu sou dançarina - eu disse subindo as escadas, entrei no meu quarto vesti meu pijama, e me deitei fiquei encarando o teto, e pensando no que o tal Carrigan me disse "você tem muitos poderes igual Andy" será que isso é verdade?... depois de um bom tempo pensando eu acabei adormecendo... Acordei, tomei um banho, e coloquei essa roupa, desci arrumei o café, me sentei na mesa e Oliver entra na cozinha só de cueca box
Carly: eii, o que eu lhe disse? - eu disse o encarrando feio
Oliver: o que tem? sou seu irmão! - ele disse se sentando na mesa e eu me levantando peguei a xicará de café e fui para sala liguei a tv coloque na Disney, fiquei la ate 8 horas, então peguei minha bolsa e fui para o ensaio, chegando lá estranhei um pouco
Carly: oi, o que ta acontecendo? - eu perguntei colocando a minha bolsa no banco
Danny: A Disney quer nos contratar para fazermos um seriado! - eu dei a louca, ja deu pra perceber que eu amo a Disney não é
Carly: SERIO? e qual seria o nome? - eu disse empolgada
Luna: Shake It Up! - ele disse também empolgada
Carly: a gente vai aceitar nao é? - eu disse pulando no Danny
Danny: vamos sim! eu disse pra vocês que ela iria aceitar
  e assim foi a tarde arrumando tudo para o novo seriado da Disney, eu nem acredito que vou tar nele *-* ......
     fui embora (obvio) chegando em casa do de cara com Oliver e Andy jogando Guitar Hero, me deu a louca
Carly: o que vocês pensam que tao fazendo com O MEU GUITAR HERO? - meu so meu e de ninguem mais
Oliver: jogando :) - ele disse prestando atenção no jogo
Carly: ta bom Oliver - eu disse mais calma - Andrew tenho que conversar com você! - eu disse subindo para o meu quarto
Andy: vishi disse meu nome, to ferrado - ele disse parando de jogar pulando e sofá e indo ate o meu quarto, ele abriu a porta e eu estava sentada na casa com as costas encostada na cabeceira
Carly: Andy o que eu sou? - eu disse o encarando e logo depois abaixando o olhar, ele veio ate mim e pegou no meu queixo e levantou o meu rosto
Andy: Nefilim - ele disse olhando no meu olho e sentando do meu lado
Carly: hã? - olhei confusa para ele
Andy: Nefilim são filhos de anjos caidos - ele disse olha para frente
Carly: eu sou uma Nefilim filha de um anjo caido! - eu disse também olhando para a frente
Andy: ....
        Continua...

segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

Anjos do demonio - cap. 3


Abri a porta e era Andy, ele me da um selinho e vai entrando
Carly: quem é que te deu liberdade de ir entrando assim na minha casa - disse o encarando, mais com muita vontade de rir
Andy: a sei la, é que agora so quase da familia né - ele disse se deitando no sofá
Carly: sonha - eu fui indo em direção a cozinha, peguei uma almofada que estava no chão e joguei nele, apenas o ouvi rindo
Oliver: é meu cunhadinho? - disse Oliver pegando nutella morango e suco na geladeira
Carly: Oliver, vai se fuder - eu peguei alguns tipo assim mil Cupcake (desculpa é que eu Bg sou viciada em Cupcake não resisti) 

Pegamos a pipoca e o o suco ( ou chocolate quente é de sua preferencia) e fomos para a sala, Andy nos olhou com uma cara de tipo "faz quanto tempo que vocês não se alimenta?"
Andy: faz quanto tempo que vocês não se alimenta? - pegou um Cupcake
Oliver: sei la, mais então vamos assistir o que? - ele disse comendo morango com nutella
Carly: Piratas do caribe 4? - eu disse bebendo suco
Andy: serve - e ai nos ficamos ate acho que umas 3 da manhã vendo filmes, então nos fomos dormir eu dormi no meu quarto (obvio) Oliver no dele e Andy no de visitas.
     Eu costumo acordar cedo, não sei por que, acordei era 8 da manhã, tomei um banho e vesti http://www.polyvore.com/cgi/set?id=68259717&.locale=pt-br  e desci para arrumar o café, fiz o café da manhã, comi e fui ver tv, fiquei assistir disney chanel, logo vi Oliver descendo as escadas esfregando os olhos e so de cueca Box
Carly: Oliver agora você mora aqui em casa então será que você não poderia vestir uma roupa? - o encarei, e ele me encarou e se olhou
Oliver: ta bom - ele subiu as escadas e desceu apenas de short, ele foi direto pra cozinha, e em seguida Andy desceu também só short, ele ficaram na cozinha acho meia hora - campainha toca -
Carly: oi, em que posso ajuda-lo
XxXx: Ola Carly, eu sou Carringan é um prazer te conhecer - ele disse beijando minha mão
Carly: o Prazer é todo meu - eu disse sorrindo
Carringan: bem Carly vejo que ja conheceu Andrew - ele disse olhando por cima de meu ombro, dava para ver Andy e Oliver da porta
Carly: é sim o que tem de mal nisso? - o encarrei duvidosa
Carringan: - ri pelo nariz- nenhum mais você sabe que ele é filho do demonio não é, e você sabe que agora ta metida nessa historia não é? você e seu irmã - ele dizia olhando em meus olhos o que me deixava insegura
Carly: sei sim, e o que você tem a ver com isso? -eu disse mostrando ser forte
Carringan: nada, so vim lhe avisar que você tem muitos poderes igual Andy, e que você tem que se afastar dele, ou você morre - ele se virou e foi embora, eu entrei e os meninos vieram para a sala
Oliver: quem era? - perguntou se sentando no sofá
Carly: ninguem de importante - menti e me sentei do lado dele, ficams um tempão vendo tv ate que o celular do Oliver toca e ele diz que ta indo para o ensaio da banda Andy também sai, eu fiquei ali sozinha então coloquei um cd pra tocar e comecei a ler meu livro eu ja estava terminando ele faltava duas paginas terminei de lelo e fui para a cozinha arrumar algo para comer depois fui dar umas olhadas nas redes socias, na verdade mal olho é que eu sou viciada por jogos fiquei jogando no pc um tempinho ate que meu celular toca
~Ligação~
Carly: diga abestado
Danny: oi Carly, entao temos ensaio amanha de manhã
Carly: ajudo muito, que horas anta?
Danny: 8 e meia
Carly: ta bom xau
Danny: xau
~Ligação~
eu desliguei o som e fui para o meu quarto la eu fiquei desenhando ja era 23:30 e a campainha toca
Carly: Quem será a essa hora? -
                    Continua...

domingo, 6 de janeiro de 2013

Anjos do demonio - cap. 2


Carly: o filho do demônio falando que eu sou estranha – eu disse rindo – vamos embora Andy
Andy: sim madame
   ele me levou para casa, bem Andy morra do lado da minha casa e afinal eu morro sozinha meus pais são separado na verdade a minha mãe morreu ano passado e eu e meu pai não nós damos muito bem então eu fiquei morando aqui na casa que era dela, bem é mais ou menos assim.
    eu fui para o meu quarto ler e escutar musica atualmente to lendo “A menina que roubava livros”, eu sou brasileira mais assim que nasci vim embora com a minha mãe pra
Cincinnati, meus pais me ensinaram a falar as duas línguas ao mesmo tempo, um pouco complicado eu sei.
   e la estava eu lendo e escutando musica, quando olhei para a janela vi Andy com um monte de velas acesas e levitando, então eu peguei uma folha A4 e escrevi “o que você ta fazendo?” e com uma folha ele respondeu “me divertindo” em outra folha ele escreveu “é um pouco chato ter tanto poder e não usar” haha minutos depois a campanhinha tocou, eu fui atender e era Andy
Andy: oi tudo bem? – disse jogando charme
Carly: tudo e você? – eu disse no jeito meio to afim
Andy: bem melhor agora gata – ele pegou na minha cintura me virou fazendo com que eu ficasse para fora e ele para dentro eu achei que ele iria me beijar, mais não
Carly: hummm – eu o empurrei e fechei a porta – você é muito metidinho pro meu gosto
Andy: serio? – ele me encostou na parede
Carly: seriíssimo – eu mordi o lábio superior dele
Andy: e você é muito safadinha – ele disse no meu ouvido fazendo com que eu me arrepiasse, e isso fez com que o clima rolasse e aquilo só me deu vontade de beija-lo
Carly:eu acho que você que é safado – eu respondi do mesmo modo no ouvido dele e logo depois mordi ele me beijou, e o beijo foi ficando intenso ele me deitou no sofá e logo começou e colocar a Mao dentro da minha blusa mais na hora alguém entrou na minha casa
Ian: é to atrapalhando? – ele disse encarando a gente e a gente se endireitou no sofá
Carly: não pai – ta sim, de meia volta e outra hora venha me visitar
Ian: Carly eu vou para Canadá e seu irmão não quer ir, será que ele pode morar aqui com você – ele disse indo para a cozinha e logo começando a fuçar nas coisas
Carly: como? – eu disse alto e meio assustada, Oliver é meu irmão mais nós não somos muito próximo, isso é bem serio com 5 anos ele foi embora para a Inglaterra com meu pai e só voltaram quando eu e ele tínhamos  16 anos e como não nós reconhecemos acabamos ficando, foi muito estranho , tipo nós não conseguimos nós beijar e também foi hilário
Ian: seu irmão pode morar com você? – ele disse vindo para a sala com uma maca na mão
Carly: cadê ele? – desde que eu completei 17 não o vejo, só pra lembra somos gêmeos completamente diferentes
Ian: ta vindo – ele disse já ligando a TV, se sentindo em casa
Oliver: é... Oi – ele disse se encostando à porta
Andy: eu vou indo ta – ele disse levantando e indo embora
Carly: oi Oliver, senta, olha o Oliver pode ficar aqui, mais sem putas ta –
 o encaro
Oliver: feito - ele se joga no sofá a ai nos ficamos a tarde toda conversando e meu pai se lamentando dizendo que ia ficar sozinho que seus filhos vão o abandonar e isso aquilo e blá blá blá ate que ele foi embora e Oliver foi buscar suas coisas enquanto isso eu fui ajeitando o quarto que agora seria dele quando ele chegou eu ajudei ele arrumar as coisas
Carly: quantos microfones, para que isso? - disse com dois microfones na mão
Oliver: a sei la mana, acho que coleção mesmo - ele disse tirando uns 10 microfones da mana
Carly: é Oliver Sykes, quem diria você cantor, haha - eu disse olhando os albuns
Oliver: é uma grande banda - disse ele fechando o quarda roupa - terminamos
Carly: o que faremos agora? - eu perguntei olhando para ele
Oliver: vamos ver um filme - ele disse descendo as escadas, e em seguida eu também desci
Carly: é não tem coisa melhor - eu disse pegando alguns filmes dentro do rack e colocando em cima da mesa de centro
Oliver: ei vem me ajuda arruma as coisas pra gente come - ele gritou da cozinha e em seguida a campainha toca
Carly: ja vou Oliver - gritei indo em direção a porta, a abri e...

               Continua...

oii galera sei que esse é o segundo post do imagine mais é que eu gostaria que vocês comentassem e seguissem o imagine, bem espero que tenham gostado...