terça-feira, 16 de abril de 2013

Anjos do dêmonio - Cap. 7

Oliver avia ido me buscar...

Nos estávamos chegando na Ponte Vincent Thomas quando vimos uma menina com... com... com assas, Oliver tentou desviar mas acabamos caindo da ponte quando o carro caiu na água eu já não vi mais nada.
       Quando eu acordei estava em uma sala branca com vários aparelhos conectados ao meu corpo, até que uma mulher entrou no quarto
Enfermeira: Olá Carly, que bom que acordou - ela disse enjetando uma 
enjeção pelo acesso da minha veia
Carly: Oh meu deus - eu comecei a respirar ofegante - Oh meu deus
Enfermeira: tudo bem? - ela disse me dando o máximo de atenção
Carly: acho que sim - eu disse pensativa
Enfermeira: você e seu irmão tiveram muita sorte, não é todo dia que alguém cai da Ponte Vincent Thomas e sobrevive, acho que vocês são os primeiro - ela disse indo em direção a porta
Carly: muita sorte mesmo - eu disse olhando para baixo e tentando entender o que avia acontecido.... Depois de um tempo Oliver entrou no meu quarto (do Hospital)
Oliver: você esta bem? - ele disse se sentando no pé da cama
Carly: é eu estou e você? - eu comecei a arrancar aqueles negócios que ficam grudados na pele e um no dedo do meio
Oliver: eu to bem, aquilo foi muito estranho - ele disse pegando minhas roupas
Carly: é foi, quem era aquela menina? - eu disse me levantando pegando minhas roupas e indo até o banheiro
Oliver: Não sei... - eu sai do banheiro pegando minha bolsa em uma cadeira ao lado da cama
Carly: quem trouce minhas roupas e as suas? - eu disse mexendo dentro da bolsa
Oliver: o andy e ele quer conversar com a gente - ai vem bomba, e a enfermeira entra dentro do quarto
Enfermeira: o que? mais vocês deveriam estar na cama em repouso - ela ficou me olhando com uma cara de bunda
Carly: não sirvo pra ficar em uma cama de hospital tchau - eu disse puxando Oliver para fora
Oliver: não sirvo pra ficar em uma cama de hospital - ele disse fazendo uma voz fina e irritante
Carly: af's Oliver pare com a criancice
Oliver: ta parei - ele disse rindo, nós fomo para casa chegando lá Andy estava sentando no sofá com uma garota, é a garota que estava no meio da rua  COMO O ANDY PODE TRAZER ESSA VACA AQUI?
Carly: Oi - eu disse seca Oliver se sentou no sofá e não disse nada
Garota: Oiii - ela disse se atirando, Andy olhou feio para ela
Carly: o que ela ta fazendo aqui? - e foi assim que Andy percebeu que eu sabia que ela era a vaca que estava no meio da rua
Andy: essa é a Andressa  

Carly: i? - eu disse quase pulando em cima daquela vaca
Andy: ela quer te dizer uma coisa - ele disse olhando feio para ela
Andressa: eu não quero dizer nada, eu acho que quem tem algo a dizer aqui é o Oliver - ela disse o encarando
Carly: Oliver? - a encarrei e depois encarrei Oliver, o clima ficou meio tenso
Oliver: eu vou ter o que para dizer? foi essa doida ai que estava no meio da pista se não fossemos Nefilins estaríamos mortos - ele disse com a voz alterada e nervoso, então eu me lembrei que Anjos Caídos tem uma cicatriz grandes nas costas que formam um "V" de cabeça para baixo e arcanjos são reconhecidos por comportamentos estranhos e a sei la  como se reconhece um Arcanjo mais eu acho que Oliver é um
Andressa: tecnicamente vocês poderiam ter morrido sim - ela disse olhando para baixo
Andy: ela é um Anjo caído
Carly: ai Nefilins podem ser mortos por anjos caídos 
Andressa: aham, é me desculpe por estar no meio da pista - ela disse como quem não se importasse
Andy: ok Andressa tchau, eu assumo daqui - ele disse a empurrando para a porta e fechando na cara dela - ela tem um lado bom
Oliver&Carly: Qual?
Andy: ela faz tudo por dinheiro, o que não falta para nenhum de nós - ele disse rindo - a e acho bom começarem a treinar luta e resistência a frio e fome, vou ajudar vocês, estamos perto de um conflito entre anjos e demônios, sim eu to ferrado - ele disse rindo e saiu olhei para Oliver que também me olhou rimos e fomos comer algumas coisa 

                           CONTINUA.........



Nenhum comentário:

Postar um comentário